O Modelo da Hierarquia dos Efeitos

modelo hierarquia dos efeitos

O Modelo da Hierarquia dos Efeitos

Partilhar artigo

O modelo da Hierarquia dos Efeitos é aplicado no marketing para explicar uma sequência de acções que acontecem desde a altura da tomada de consciência até à decisão de compra. Neste artigo, vou falar sobre cada uma das fases e do seu funcionamento a nível psicológico.

Uma vez que as pessoas despertam para as suas necessidades ou desejos através de diferentes estímulos, o modelo da Hierarquia dos Efeitos ajuda a explicar como uma marca, influência os seus clientes a escolherem-na perante as várias alternativas que existem disponíveis no mercado.

Resumindo, o modelo da Hierarquia dos Efeitos propõe que as pessoas para comprarem têm de passar por um processo que ocorre de forma contínua. Descubra agora, as 6 etapas que deve considerar para conseguir influenciar uma decisão de compra e ter sucesso na internet.

Consciência: a pessoa descobre que tem uma determinada necessidade ou desejo na sua vida por resolver, ocorrendo esta etapa do modelo da Hierarquia dos Efeitos a nível cognitivo. Caso a sua audiência não tenha noção desse problema, a sua tarefa consiste precisamente em desenvolver essa percepção.

Conhecimento: a pessoa passa a informar-se em relação ao seu problema e decide investigar as várias possibilidades de solução, ocorrendo esta etapa do modelo da Hierarquia dos Efeitos a nível cognitivo. A sua audiência já está consciente da marca mas não sabe nada sobre ela naquele exacto momento.

Simpatia: a pessoa começa a avaliar a adequação de valores que se estabelece entre si e a marca, ocorrendo esta etapa do modelo da Hierarquia dos Efeitos a nível afectivo. A sua audiência vai desenvolver uma opinião sobre a marca e, se esta for desfavorável, é preciso saber a causa para alterar a impressão.

Preferência: a pessoa decide por um produto ou serviço em detrimento de outros existentes no mercado, ocorrendo esta etapa do modelo da Hierarquia dos Efeitos a nível afectivo. A sua audiência tem de gostar e perceber muito bem quais são os benefícios da marca para elegê-la como sendo a sua escolha.

Convicção: a pessoa estipula a possibilidade de poder vir a comprar em alguma altura após estudar a sua viabilidade, ocorrendo esta etapa do modelo da Hierarquia dos Efeitos a nível comportamental. A sua audiência manifestou o favoritismo pela sua marca mas ainda não definiu uma intenção de compra.

Compra: a pessoa efectiva a aquisição depois de ter definido a sua intenção de compra, ocorrendo esta etapa do modelo a nível comportamental. É necessário implementar calls to actions que sejam suficientemente claros e que consigam motivar a sua audiência a agir com confiança.

Neste momento, acredito que está mais esclarecido. Aproveite para colocar tudo em prática. Afinal, já percebeu o que é modelo da hierarquia dos efeitos.

Conheça o guia prático de inbound marketing. Por fim, desejo-lhe o maior sucesso na gestão do seu negócio e boa sorte para a sua vida.

Espero que tenha gostado e que este conteúdo possa ajudar-lhe. Deixe o seu comentário em baixo e partilhe este artigo com a sua rede de contactos. Além disso, não se esqueça, acompanhe todas as novidades aqui no meu blog. Até breve!


Partilhar artigo

Deixe o seu comentário

responder
precisa de ajuda?
Whatsapp
Olá, posso ajudar?