Como Aumentar o Ticket Médio?

aumentar o ticket médio

Como Aumentar o Ticket Médio?

Partilhar artigo

Um desafio bastante importante para quem tem um negócio é garantir uma boa facturação para poder definir metas e assegurar o crescimento da sua actividade. Neste artigo, vou falar sobre como aumentar o ticket médio e ajudar-lhe a perceber qual é o peso de cada cliente no seu negócio.

A vantagem de aumentar o ticket médio está no crescimento do seu volume de vendas sem que haja a necessidade de expandir o número de clientes. Desta forma, existe um valor maior associado a cada pessoa envolvida na transacção, permitindo gerar um facturamento superior ao previsto.

Descubra agora, 8 dicas para conseguir aumentar o ticket médio, representado pelo rácio entre o volume de vendas e o número de clientes. A ideia é maximizar a receita em cada pessoa que decide comprar num determinado período, acrescentando assim, maiores entradas de capital.

Up-Selling: consiste em oferecer um produto complementar ao produto inicial para aumentar o valor da transacção naquele momento. Um exemplo onde isto acontece, é nas cadeias de fast food, onde é perguntado à pessoa se pretende levar uma bebida grande por apenas mais um euro.

Cross-Selling: consiste em oferecer um produto que não está relacionado com o produto inicial para aumentar o ticket médio. Um exemplo onde isto acontece, é em lojas de electrodomésticos, onde é perguntado à pessoa que comprou uma televisão se está a faltar alguma coisa para a cozinha.

Down-Sell: consiste em oferecer um produto mais barato relativamente ao produto inicial para que a venda não seja perdida. Um exemplo onde isto acontece, é nos concessionários, onde é indicado à pessoa um carro com valor menor para que exista a possibilidade da compra ser efectivada.

Back-End: consiste na compra de mais produtos da sua empresa após ter sido realizada a primeira venda e gerar satisfação no cliente. Esta acção acontece depois da experimentação de um produto ou serviço em que a pessoa decide adquirir mais soluções com uma entidade que já confia.

Descontos: consiste em fazer uma promoção quando existe a compra de mais unidades do mesmo artigo num determinado período. Um exemplo onde isto acontece, é nos supermercados com o clássico “leve 2 pague 1”, provocando um impacto positivo por causa da poupança gerada.

Fidelização: consiste em oferecer ao cliente um benefício pelo facto de comprar regularmente para garantir o seu regresso. Pode apostar no modelo de pontos, em que cada compra vale um ponto e a soma de determinada pontuação garante um prémio, ajudando a aumentar o ticket médio.

Entrega Grátis: consiste em não cobrar ao cliente o valor do envio da encomenda em condições previamente definidas. Um exemplo onde isto acontece, é nas lojas online, onde é referido que em compras a partir de um valor específico o porte é grátis para incentivar compras maiores.

Kits Promocionais: consiste em oferecer exclusividade através da combinação de produtos ou serviços numa única solução. A vantagem para o cliente em querer efectuar uma compra deste tipo está no valor a pagar pelo conjunto revelar-se menor que o preço individual de cada artigo.

Neste momento, acredito que está mais esclarecido. Aproveite para colocar tudo em prática. Afinal, já percebeu como aumentar o ticket médio.

Conheça o guia prático de inbound marketing. Por fim, desejo-lhe o maior sucesso na gestão do seu negócio e boa sorte para a sua vida.

Espero que tenha gostado e que este conteúdo possa ajudar-lhe. Deixe o seu comentário em baixo e partilhe este artigo com a sua rede de contactos. Além disso, não se esqueça, acompanhe todas as novidades aqui no meu blog. Até breve!


Partilhar artigo

Deixe o seu comentário

responder
precisa de ajuda?
Whatsapp
Olá, posso ajudar?